Churrascaria-pizzaria & lanchonete

É incrível o repertório de pilantragem dos familiares em criar artimanhas para distribuir a pilhagem e as vantagens feitas com o erário público em prol dos seus agregados e afilhados (claro, tudo com um toque de legalidade).

Em postagem anterior (veja aqui), questionei os contratos dos serviços prestados e produtos fornecidos pela empresa Recargas Viana LTDA; a qual não possuía os CNAE (Código Nacional de Atividade Econômica) pertinentes aos serviços/produtos ofertados à prefeitura no processo de licitação – além disso, os serviços descritos também não condiziam com os serviços prestados. E para satisfação plena das necessidades contábeis do cliente (neste caso, a prefeitura) e para o cliente não cair (mais uma vez) nas irregularidades dos contratos com a dita empresa, como os que foram realizados em 2017, não é que a Recargas Viana LTDA atualizou seu cartão CNPJ – adicionou novos CNAE; CNAEs estes, quais não possuía anteriormente e que, mesmo assim, conseguiu em 2017 participar e ganhar licitações!
A curiosidade é saber como foram emitidas as notas fiscais para o pagamento? Já que é necessário informar os serviços descritos nas notas fiscais e atividades, sejam em notas de serviços ou produtos (ai está uma boa pedida para os vereadores). Enfim! Diversificou o seu portfólio de serviços e produtos! (qualificaram-se/habilitaram-se, ao menos no papel)

Uma empresa com tão vastas especialidades de serviços é de se duvidar da qualidade, mas o mais interessante ainda, é alguém ir buscar um destes serviços na empresa. Veja e compare as imagens anexas: Ao lado esquerdo, antes e ao lado direito, após as denúncias de supostas irregularidades (…um pouco de eufemismo sempre faz bem).

Isso, faz-me lembrar estes restaurantes de beira de estrada onde se ler no letreiro “Churrascaria-Pizzaria & Lanchonete”, onde se tem um cardápio vasto e nenhum dos produtos e serviços oferecidos tem a qualidade esperada. Por outro lado, com uma descrição tão vasta de serviços secundários, me faz pensar que isso seja para (apenas) a emissão de notas fiscais, já que os reais vendedores dos serviços estejam com alguma “atrapalhaçãozinha” na documentação – por “atrapalhaçãozinha” leiam: não está habilitada, falta documentação, ou no seu contrato social não tem como objeto determinada prestação de serviço, ou não ampara determinada venda – Bobagem! Quase nada que com amizade não se resolva!

Mais uma vez, evidencia-se a míngua moralidade, a ausência de respeito com os cidadãos realenses e a falta licitude dos atos da atual administração municipal de Rio Real, neste caso, no uso do poder de compra do Estado: Impedindo a livre concorrência de serviços e vendas  no comercio varejista da cidade, concentrando a compra/contratação de  bens e serviços possíveis numa única inscrição/nome de fornecedor, que ganhará todas as tomadas de  preços e licitações para serviços menores que outros comerciantes locais também  têm e fazem. Com isso acaba concentrado renda na mão de um grupo (político) e prejudicando a circulação de renda e desenvolvimento econômico e social da cidade.

É válido evidenciar que uma inscrição estadual com tão diversos serviços/produtos, mostra indícios de uma artimanha contábil para repassar o pagamento para outras pessoas que não têm habilitação jurídica/qualificação, técnica/qualificação, econômico-financeira e, principalmente, regularidade fiscal. Com isso configurando pessoalidade na escolha dos fornecedores/prestadores de serviços para a prefeitura de Rio Real.

Ah, sim, só para não esquecer!

Quando forem a uma churrascaria-pizzaria & lanchonete, peçam um suco de laranja. O único item do menu que com certeza irão fazer direitinho e, se tiver algum vereador em alguma mesa próximo a sua, peça para ele um chá de simancol.

Prefeitura Municipal de Rio Real – Construindo uma nova história – Só que não!

consulta-suceb
Veja a data de alteração em consulta junto à JUCEB, qual não havia alterações desde 2013 e compare as placas CNPJ abaixo e perceba as alterações.
recargas-viana-antes-e-depois
Consultas realizadas antes (quando houve a denúncia de indícios de irregularidades) e após.
canetas-personalizadas
Nova Dispensa de Licitação, mas agora com o serviço/produto já incluso no CNPJ.
aditivo-recargas-viana
Aditivo de contrato realizado antes das alterações e inclusão de CNAE no CNPJ da empresa. (quando ainda estava irregular).

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: